Número total de visualizações de página

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Utilização segura da internet: dia 12 de fevereiro

12 de fevereiro de 2014, 10.00 (para alunos) e 17.00 (para docentes e encarregados de educação do agrupamento de escolas), na 
 sala polivalente da
Escola Secundária de Santa Maria  
Utilização segura da
Internet
Ação de informação a cargo de:
João Piedade e Nuno Doroteia
do Centro de Competência do Instituto de Educação da
Universidade de Lisboa

 



segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Livro do mês - fevereiro


LIVRO DO MÊS



A Rapariga que Roubava Livros ,


  

A morte assume o papel de narrador em A Rapariga Que Roubava Livros; vamos ao seu encontro na Alemanha, por ocasião da segunda guerra mundial, onde ela tem uma função muito activa na recolha de almas vítimas do conflito. É por esta altura que se cruza pela segunda vez com Liesel, uma menina de nove anos de idade, entregue para adopção, que já tinha passado pelos olhos da morte no funeral do seu pequeno irmão. Foi aí que Liesel roubou o seu primeiro livro, o primeiro de muitos pelos quais se apaixonará e que a ajudarão a superar as dificuldades da vida, dando um sentido à sua existência. Quando o roubou, ainda não sabia ler e será com a ajuda do seu pai, um excelente intérprete de acordeão que passará a saber percorrer o caminho das letras, exorcizando fantasmas do passado. Ao longo dos anos, Liesel continuará a dedicar-se à prática de roubar livros e a encontrar-se com a morte, que irá sempre utilizar um registo pouco sentimental embora humano e poético, atraindo a atenção de quem a lê para cada frase, cada sentido, cada palavra.
Um livro soberbo que prima pela originalidade e pelo amor à literatura, revelando um outro olhar sobre os dias da guerra, na Alemanha.